sexta-feira, 8 de julho de 2011

MORTE CERTA




Bom seria se o amanhã fosse certo e sempre. Ou não? Ouvi certa vez que a vida só nos é tão boa por causa da morte. É a certeza da morte que nos faz aproveitar o dia de hoje. Sem a morte a vida seria um verdadeiro inferno.

Wanderley Lucena

4 comentários:

ArcadoAutoConhecimento disse...

Olá Lucena.A morte não deve ser ruim. É apenas a passagem para outra dimensão. De fato, ela não existe. Apenas mudamos de casa e aparência. Grande abraço.

Edu. Matos disse...

Bom seria se o amanhã fosse certo e sempre. Ou não?
Bem, eu prefiro não pensar sobre isso, nunca me questionei sobre a morte.. Prefiro lembrar-me dos momentos bons. Mas,,claramente não.
Já ouviu aquela canção...
Abre asas ao vento e deixa-te levar.

Madá disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Madá disse...

Não tenho conclusões para a morte e espero que ela também não as tenha para mim. Se boa ou ruim, se é o fim ou um novo começo, se traz alívio ou sofrimento...
Por enquanto prefiro achar a Dona Morta, uma penetra de festa, pois chega sem ser convidada. Por vezes, chega no auge da festa. E ainda que venha trajando um pretinho básico, é antiquada. Sem falar naquela face branca, pálida, com cara de quem já morreu... Poderia ao menos passar o blush antes de sair de casa.

E quanto ao amanhã? Fica a dica: Sair do futuro onde não podemos fazer nada, exceto em sonhos, em fantasias, em divagações, e entrar no presente, onde tudo acontece (Eu tento, nem sempre consigo).

Feliz semana, caro Lucena.
Bons ventos, Edu Matos.
E a querida, Maria José, darei meus votos pessoalmente "amanhã"... rs